Longa pétala de mar

Quando estivemos no Chile, em junho de 2019, o mais recente lançamento de Isabel Allende, Largo pétalo de mar, estava sendo divulgado com força total em todas as muitas livrarias que visitamos. Lembro que esse fato chamou nossa atenção, porque não é comum que, no Brasil, as livrarias divulguem como o carro chefe de...

Amares

Quando estive em Montevideo, capital do Uruguai e cidade natal de Eduardo Galeano, a presença do maior escritor desse país era notável no dia a dia dos uruguaios. Em uma visita ao Museo de La Casa de Gobierno, o segurança puxou conversa com a gente, e percebendo que éramos brasileiros, logo começou a falar...

O quinze

“Dia a dia, com forças que iam minguando, a miséria escalavrava mais a cara sórdida, e mais fortemente os feria com a sua garra desapiedada. Só talvez por um milagre iam aguentando tanta fome, tanta sede, tanto sol.” (p, 71) Em meados de 1929, Rachel de Queiroz, uma mulher de 19 anos nascida em...

Matadouro-cinco

– Foi necessária – disse Rumford a Billy, referindo-se à destruição de Dresden.– Eu sei – retrucou Billy.– A guerra é assim.– Eu sei. Não estou reclamando.– Deve ter sido um inferno para quem estava em solo.– Foi. – Confirmou Billy Pilgrim.– Tenha piedade de quem precisou fazer isso.– Eu tenho.– Você deve ter...

Máquinas como eu – e gente como vocês

“Esses vinte e cinco homens e mulheres artificiais postos no mundo não estão se dando bem. Talvez estejamos confrontando uma condição fronteiriça, uma limitação que nos impusemos.  Criamos uma máquina com inteligência e autoconsciência para jogá-la em nosso mundo imperfeito. Desenvolvidas em geral seguindo linhas racionais, benevolentes com relação aos outros seres, tais mentes...

Fique comigo

Ayòbámi Adébáyò foi uma das participantes da mesa sobre literatura e política na programação principal da 17ª edição da Flip 2019 (a mesa contou também com a participação de Ayelet Gundar-Goshen, autora israelense, e a mediação de Lilia Schwarcz, rainha de tudo, que carrega a cultura brasileira nas costas).  Adébáyò é uma jovem escritora...

Muito além do inverno

“Naquela manhã invernal de domingo, Richard foi o primeiro a acordar; eram seis da manhã, ainda noite fechada. Depois de passar horas com a sensação de navegar entre o sono e a vigília, finalmente havia dormido como se tivesse sido anestesiado. Na lareira, restavam poucas brasas; a casa era um mausoléu gelado. Suas costas...

Livrarias em Santiago do Chile

Nosso passeio por Santiago foi cheio de livrarias. Na cidade, é possível encontrar uma grande concentração delas por metro quadrado – em todo lugar que nós passávamos, encontrávamos alguma! As primeiras que visitamos ficam no shopping Costanera Center, o maior shopping da cidade, que fica no bairro de Providencia. Logo na entrada, demos de...

A casa dos espíritos

“Em alguns momentos tenho a impressão de que já vivi isto e que já escrevi estas mesmas palavras, mas compreendo que não sou eu, mas outra mulher, que anotou em seus cadernos para que eu deles me servisse. Escrevo, ela escreveu, que a memória é frágil, e o transcurso de uma vida, muito breve,...

La Chascona

Quando decidimos que o destino dessas férias seria Santiago do Chile, já começamos a pensar nas leituras que faríamos: Gabriela Mistral, Isabel Allende, Roberto Bolaño e, claro, Pablo Neruda. Além de levar ⅓ da bagagem em livros, acabamos comprando mais vários lá (umas das experiências mais prazerosas que um comprador compulsivo de livros leitor...

O papel de parede amarelo

John ri de mim, é claro, mas isso é de se esperar em um casamento.John é prático ao extremo. Não tem paciência para questões de fé, nutre um imenso horror à superstição e zomba abertamente de qualquer conversa sobre coisas que não podem ser vistas nem sentidas nem traduzidas em números.John é médico, e...